Lançamento do livro e debate - Fronteiras invisíveis: diálogos para a criação de "A floresta que anda"

deChristiane Jatahy
integrado naBienal Artista na Cidade
20 mai 2018
dom 19h
Átrio
de Christiane Jatahy
no âmbito da Bienal Artista na Cidade 
em parceria com o Centro de Estudos de Teatro da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
edição Cobogó

debate com Christiane Jatahy e Rui Pina Coelho
Este livro apresenta o processo de criação do espetáculo A floresta que anda, da encenadora Christiane Jatahy que se inspirou no clássico Macbeth, de William Shakespeare, para refletir sobre os conflitos sociais e políticos dos dias de hoje. A obra reúne muitas horas de conversas entre Christiane e seus colaboradores para a construção da peça que une teatro, cinema, vídeo-instalação e performance, misturando documentário e ficção.

Relacionado