Lobo à Porta

deIsabela Figueiredo
integrado noFestival PANOS - palcos novos palavras novas
27 - 28 abr 2019
sáb, 19h - Sala Estúdio
dom, 20h - Sala Garrett
Sala Garrett | Sala Estúdio
Preço único 4€

texto Isabela Figueiredo
interpretação Grupo Cénico - Colégio José Álvaro Vidal / Fundação CEBI (Alverca); Na Xina Lua da Escola Secundária de Tondela

A classificar pela CCE

O projeto PANOS – palcos novos palavras novas, foi desenvolvido na Culturgest entre 2005 e 2017.

Lobo à Porta pretende refletir sobre a forma como uma cultura é um molde que varia conforme o lugar do mundo onde nos formámos. A questão é apresentada através da forma como tratamos os animais. Os animais que umas culturas adoram, outras subestimam. No Ocidente, a ameaça sobre os perigos advenientes do consumo de carne supera a ética humanista dos movimentos que defendem uma alimentação natural, biológica, sustentável, não carnívora. Por outro lado, mais de metade da população da Terra sempre se alimentou de forma natural, biológica e sustentável e não conhece o sabor da carne, sem prejuízos para a sua saúde. Especismo, sofrimento e ética animal vão atravessar os discursos das personagens. Este texto pretende questionar o mundo em que vivemos através da forma como escolhemos alimentar-nos. 


Grupo Cénico - Colégio José Álvaro Vidal / Fundação CEBI (Alverca) 
27 abr, 19h
Sala Estúdio
COMPRAR BILHETE



Na Xina Lua da Escola Secundária de Tondela
28 abr, 20h
Sala Garrett
COMPRAR BILHETE


Este espetáculo integra o Festival PANOS - palcos novos palavras novas que tem agora casa no D. Maria II, após ter sido desenvolvido pela Culturgest entre 2005 e 2017. Através de uma encomenda anual de peças originais a escritores com obra reconhecida, a serem representadas por grupos de atores adolescentes no Festival PANOS, o projeto visa estimular o encontro entre as novas dramaturgias e o teatro escolar/juvenil. 
Pelo meio, a 27 de abril, o Átrio recebe uma festa de entrada livre para celebrar a primeira vez do PANOS no D. Maria II.







 

 

Relacionado