As Aventuras de João sem Medo

deJosé Gomes Ferreira
versão cénica e encenaçãoJoão Mota
10 fev - 21 abr 2012
4ª. a 6ª. 11h
sáb. 16h
Sala Garrett
de José Gomes Ferreira
versão cénica, dramaturgia e encenação João Mota
figurinos Renato Godinho
desenho de luz João Mota, Nuno Samora
direção musical Hugo Franco
interpretação Alexandre Lopes, Hugo Franco, Marco Paiva, Mia Farr, Miguel Sermão, Tânia Alves
coprodução Comuna - Teatro de Pesquisa, Teatro da Trindade - Fundação Inatel
M/6
João sem Medo, um herói - construído para crianças e para adultos - "fala-barato de imprecações e graçolas populares, desprezador dos tiranetes e dos poderosos e, sobretudo, cheio de alegria de existir, de respirar, de acreditar nos bons sentimentos e de inventar monstros para os destruir e vencer”, é um pequeno burguês gabarola que, para não parecer cobarde, inventa monstros para os vencer.
O texto é um exemplo de uma simbiose entre um ambiente mágico a rasar o universo surrealista e uma preocupação ética.

Escrito em 1933 por José Gomes Ferreira, em 26 folhetins, para uma gazeta juvenil, O Senhor Doutor, sob o pseudónimo de Avô do Cachimbo, As Aventuras de João sem Medo é considerado um prodígio de efabulação e engenho narrativo.

Os espetáculos que decorrem de 4ª a 6ª são direcionados ao universo escolar, pelo que estão sujeitos a marcação prévia.
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
©Alípio Padilha
1/10