Pranto de Maria Parda

Pranto de Maria Parda
Pranto de Maria Parda
de Miguel Fragata
a partir de Gil Vicente
TNDM II / Bicho-do-Mato (Coleção “Textos de Teatro”)
€ 11,00
2022
'Pranto de Maria Parda' parte do texto homónimo de Gil Vicente, escrito no rescaldo do ano devastador de 1521 e é levado à cena em 2021, no rescaldo de um outro ano devastador. Quis Gil Vicente que Maria Parda simbolizasse o ano mau, que fosse mulher e que não tivesse lugar na cidade. A tradição foi insinuando que da designação Maria Parda se extraía a ideia de uma mulher negra, embora Gil Vicente não parecesse indicá-lo. Como se olha para este texto com quinhentos anos à luz das questões do racismo e do feminismo, que ele próprio convoca, e que são hoje prementes? Que caminho fizeram este texto, a cidade e Maria Parda até hoje?


Fechar Política de Cookies

O Teatro Nacional D. Maria II usa cookies para melhorar a sua experiência digital. Ao continuar a navegação está a autorizar o seu uso.
Consulte a nossa Política de Privacidade para saber mais sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais.

Aceitar