Colecção de Coleccionadores

deRaquel André
parceriaFestival Temps d'Images
2 - 12 nov 2017
qua, 19h30 >  qui-sáb, 21h30 > dom, 16h30
Sala Estúdio
With English subtitles

conceito, direção, produção e em cena Raquel André
cocriação António Pedro Lopes, Bernardo de Almeida e Raquel André
música noiserv
vídeo Diogo Lima e Afonso Sousa
desenho de luz Rui Monteiro
design de som João Neves
coordenação técnica Carolina Caramelo
adaptação de luz e direção técnica em digressão Eduardo Abdala, Cárin Geada
comunicação António Pedro Lopes
produção executiva Mónica Talina
coprodução TNDM II
parceria Festival Temps d'Images


Projeto originalmente criado para a 2ª edição da BOLSA ISABEL ALVES COSTA 2016, uma coprodução: Teatro Municipal do Porto Rivoli – Campo Alegre, Festival de Marionetas do Porto e Comédias do Minho com a mesma equipa artística e registo documental de Mariana Dixe.

Entre 2016 e 2017 Raquel André colecionou colecionadores nas suas casas particulares, em parceria com várias instituições: Comédias do Minho, BUDA, Tanzfabrik, Festival Walk&Talk, ARTEMREDE.

Este projeto teve o apoio à internacionalização da Direção Geral das Artes – Governo de Portugal. Projeto financiado pela apap – Performing Europe 2020, no âmbito do programa Europa Criativa da União Europeia.

M/12  

Que memória transporta um objeto? 
___
 
Raquel coleciona colecionadores que encontra nas cidades por onde passa. Raquel coleciona os próprios colecionadores, eles mesmos. Pede-lhes que lhe contem um segredo: que lhe contem o que é ser colecionador. Pede-lhes que se deixem colecionar. Colecionamos o que nos escapa das mãos. Em Colecção de Coleccionadores, coleciona-se o outro e guarda-se o que não dá para guardar. Através de uma entrevista, os colecionadores de cidades diferentes respondem a perguntas sobre memória... Afinal, o que guardamos? Em outubro de 2017, a Colecção de Coleccionadores contava com 30 colecionadores de Paredes de Coura, Valença, Vila Nova de Cerveira, Monção, Melgaço, Berlim, Kortrijk, Ilha de São Miguel, Tomar e Lisboa.

Colecção de Coleccionadores integra aquela que pode bem ser a performance de Raquel André para toda uma vida: a "Colecção de Pessoas”. Esta é uma acumulação a quatro tempos, que inclui ainda a Colecção de Amantes e que se completará com uma Colecção de Artistas e uma Colecção de Espectadores.  



Conversa com os artistas
5 nov, após o espetáculo

5 nov



©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
©Filipe Ferreira
1/11