A Paz é a Paz

criaçãoUMCOLETIVO
dramaturgia Ricardo Boléo, a partir da poesia inédita de Maria João Carvalho e de entrevistas a madrinhas e refugiadas de guerra e a mulheres de combatentes e ex combatentes
com Cátia Terrinca, Mariana Correia e Orquestra Jazz da Figueira da Foz e Banda Euterpe
cenografia Bruno Caracol
figurinos Raquel Pedro
desenho de luz João P. Nunes
composição musical João Maria Carvalho, João P. Nunes
produção UMCOLETIVO
coprodução Teatro Nacional D. Maria II, CAE Portalegre, CAE Figueira da Foz
apoio República Portuguesa – Cultura / DGArtes e Município de Portalegre, Museu de Lisboa - Teatro Romano, Câmara Municipal de Lisboa - Quinta Alegre, Banda Euterpe Portalegre, Orquestra de Jazz do CAE da Figueira da Foz
parceria Ciclo Abril Abriu Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril

M/12
Sabemos da guerra porque a bala guardada nos corpos mortos, nos corpos mutilados, nos corpos doentes dos homens é cuidada por mulheres. Mulheres que redesenham o mapa dos estilhaços nos seus corpos, longe mas íntimos, de outros combates. Mulheres que lutam com os pesadelos, com os silêncios e com as dores. Mulheres que clandestinamente pensam na morte e tragam os gomos de uma laranja, comendo um poema de vísceras e paz. A Paz é a Paz é sobre estas mulheres. É um Teatro de Guerra que começou na vida da jornalista e poeta Maria João Carvalho para logo abraçar a Guerra Colonial, nos braços das suas madrinhas, e pensar na Ucrânia e na Palestina. A Guerra, afinal, é a Guerra. E para lá da ausência de frutos nas árvores, de cães e gatos nas ruas, para lá da ausência de pão e tecto, acendem-se poemas como estrelas. A Paz é a Paz é um espetáculo que coloca o público frente-a-frente, corpo-a-corpo, olhos-nos-olhos, entre o conflito e o poema, tacteando a espessura da paz entre os escombros.

Em 2023, no âmbito do programa Atos da Odisseia Nacional do D. Maria II, a UMCOLETIVO apresentou o projeto artístico participativo Mil e uma noites, na Figueira da Foz. A presença neste concelho alimentou a criação de A Paz é a Paz, espetáculo que, em 2024, se apresenta à comunidade participante no Atos, entre outros locais.
Fechar
Newsletter D. Maria II
Fechar Política de Cookies

O Teatro Nacional D. Maria II usa cookies para melhorar a sua experiência digital. Ao continuar a navegação está a autorizar o seu uso.
Consulte a nossa Política de Privacidade para saber mais sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais.

Aceitar